A Gallo Worldwide utiliza cookies nos seus sites para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Saiba mais sobre Cookies

Como nasce
o Azeite Gallo?

{ faça scroll }

É uma árvore de crescimento lento.
Dá flor uma vez por ano
e produz azeitona a partir
do quarto ano de vida.
É uma árvore de crescimento lento.
Dá flor uma vez por ano
e produz azeitona a partir
do quarto ano de vida.
Crescimento
tamanho M
É uma árvore de porte médio,
muito resistente ao frio e à seca.
É uma árvore de crescimento lento.
Mediterrâneo
As oliveiras são tradicionais
na bacia do Mediterrâneo.

Invernos frios e húmidos
Verões quentes e secos.
Mediterrâneo
As oliveiras são tradicionais
na bacia do Mediterrâneo.

Invernos frios e húmidos
Verões quentes e secos.
Clima
As variações
climáticas influenciam
o desenvolvimento
da oliveira.
Mediterrâneo
As oliveiras são tradicionais
na bacia do Mediterrâneo.

Invernos frios e húmidos
Verões quentes e secos.
Clima
As variações
climáticas influenciam
o desenvolvimento
da oliveira.
  • Temperaturas abaixo
    dos 0°C afetam
    a produção.
  • Suporta bem as secas
    e ventos fortes.
Produção
A oliveira atinge a maturidade
produtiva aos 10 anos e continua
em produção durante décadas.
Produção
A oliveira atinge a maturidade
produtiva aos 10 anos e continua
em produção durante décadas.
Uma árvore madura
produz em média
40-60 kg de azeitonas
6/10 Lt azeite.
Prev Next Next

a oliveira

Maturação
As azeitonas amadurecem
entre Outubro e Fevereiro.
Maturação
As azeitonas amadurecem
entre Outubro e Fevereiro.
Maturação
As azeitonas amadurecem
entre Outubro e Fevereiro.
Todas as azeitonas são de
cor verde, tornando-se violeta
e por fim preta, à medida que
evolui a maturação.
Prev Next Next

a azeitona

100% sumo de azeitona.

o azeite

- Colheita -

Apesar de o processo da colheita da azeitona
ter evoluído muito ao longo dos séculos com a
introdução de mecanização, continua a ser
um trabalho artesanal duro.


A colheita acontece durante
a estação fria, entre Outubro
e Fevereiro.

Colheita Manual
Forma tradicional de apanha, estando os
homens em escadotes e as mulheres no chão
a esticar os panos onde vão cair as azeitonas.

Varejamento
Bater nas árvores com uma vara
fazendo as azeitonas cair.

Vibração Mecânica
As azeitonas podem também ser colhidas
mecanicamente, através de
vibrações de tronco ou ramos.

Vibração Mecânica
Colheita totalmente mecanizada feita com máquinas cavalgadoras, recorrendo a muito menos mão-de-obra, sendo mais rápida, eficaz e económica.

Prev Next Next
- Transporte até ao Lagar -

As azeitonas devem ser transportadas
rapidamente para prevenir serem
esmagadas e fermentarem.

- Seleção -

No lagar as azeitonas são classificadas
segundo o estado sanitário, variedade ou estado de
maturação, de forma a não comprometer
a qualidade do azeite.

- Limpeza -

Após a seleção, as azeitonas passam
por uma corrente de ar para remover
ramos e folhas.

- Lavagem -

Depois de eliminados os corpos estranhos,
as azeitonas são lavadas com água fria.

- Moenda -

A fruta é moída com caroço,
originando uma pasta espessa.

  • 45min

  • 30°C

Prev Next Next
- Termobatedura -

A pasta moída é agitada e aquecida durante 45 minutos, a uma temperatura controlada inferior a 30°C.

Decanter
Separação por densidades.
Decanter
Separação por densidades.
Centrifuga vertical
Remove quaisquer impurezas
e água através de uma
centrifugação vertical.
Prev Next Next
- Extração -

Finalmente o azeite é separado da fase sólida (polpa, pele e caroço) através de uma centrifugação.

- Seleção -

Gallo tem dezenas de produtores parceiros e
anualmente recebe mais de 5000 amostras,
das quais 70% são rejeitadas por não terem o
padrão de qualidade Gallo.

Organoléptica
Análise sensorial (olfato e
paladar), traduz-se em
atributos e defeitos.

Saiba mais sobre os Atributos
e Defeitos do azeite.
Organoléptica
Análise sensorial (olfato e
paladar), traduz-se em
atributos e defeitos.

Saiba mais sobre os Atributos
e Defeitos do azeite.
Química
Avalia a acidez, índice de
peróxidos, absorvâncias, entre outros.
O grau de acidez não influência o sabor
- é apenas um dos parâmetros fisico-quimicos
que se avalia para classificar o azeite.
É a percentagem de ácidos gordos livres presentes no azeite
(que avalia o estado sanitário das azeitonas antes da colheita e a forma como o processo de extração foi levado a cabo).
Organoléptica
Análise sensorial (olfato e
paladar), traduz-se em
atributos e defeitos.

Saiba mais sobre os Atributos
e Defeitos do azeite.
Química
Avalia a acidez, índice de
peróxidos e absorvâncias.
A acidez não influencia o sabor
- é um padrão 100% químico
que determina a qualidade.
Refere-se à percentagem de
ácidos gordos livres presentes no
azeite.
O azeite com defeito na análise sensorial ou
acidez acima de 2% tem de ser refinado.
Organoléptica
Análise sensorial (olfato e
paladar), traduz-se em
atributos e defeitos.

Saiba mais sobre os Atributos
e Defeitos do azeite.
Química
Avalia a acidez, índice de
peróxidos e absorvâncias.
A acidez não influencia o sabor
- é um padrão 100% químico
que determina a qualidade.
Refere-se à percentagem de
ácidos gordos livres presentes no
azeite.
  • Azeite Virgem Extra
    Acidez máxima de 0,8% Sensorialmente é frutado e sem defeitos.
  • Azeite Virgem
    Acidez máxima de 2% e na sua avaliação sensorial é frutado e podem ser detectados pequenos defeitos.
  • Azeite
    Mistura de azeite refinado e azeite virgem, com acidez máxima de 1%, não submetido a analise sensorial.
O azeite com defeito na análise sensorial ou
acidez acima de 2% tem de ser refinado.
Prev Next Next
- Classificação -
- Loteamento -

O Loteamento é a combinação dos azeites escolhidos,
de modo a criar diferentes perfis de sabores –
distintos e constantes todo o ano. É graças a esta
mestria quase secular de Gallo que os seus
azeites são premiados e reconhecidos em todo o mundo.

O consumo dos diferentes azeites Gallo está normalmente associado
à maior ou menor tradição na utilização do azeite no país.
Países onde o consumo é mais elevado, como Portugal, consomem
tendencialmente perfis mais fortes, picantes e amargos.
Países com menos tradição de consumode azeite, como o Brasil,
preferem sabores mais suaves e doces.

PORTUGAL . 7000 ml

BRASIL . 200 ml

CHINA . 20 ml

RUSSIA . 14 ml

Consumo de azeite per capita.

Conheça a nossa seleção

Azeite Gallo

saber mais
Siga-nos
em todo o mundo
Contacte-nos
para qualquer informação Contacte-nos